domingo, 22 de setembro de 2013

Lá fora, Sol de Outono ...




Naquela tarde viu tombar as últimas folhas
Sozinha não conseguiu soltar-se para repousar 

Suportou então o silêncio da noite e esperou pelo vento

Ao amanhecer sentiu um abraço suave e doce 
Deixou-se levar...
.


1 comentário:

DE-PROPOSITO disse...

Deixou-se levar...
--------
São as leis da vida. Um dia,... um sopro nos levará.
---------
Que a felicidade ande por aí.
Manuel