sexta-feira, 18 de abril de 2008

Palavras Soltas, entre tons e sons !


I - Um Tesouro...

Em noites calmas de luar
Uma estrela brilha de mansinho

Brincam e sorriem como crianças
Falam para não se sentirem sós
Choram quando se escondem
São como as aves de penas soltas
Tocam a terra sentem o sal do mar
Fazem castelos na areia das praias

Os verdadeiros tesouros da Vida
Não são ouro ou diamantes
(em Além do horizonte... 6 junho 07)






II - Um laço...

... Lembrando Exupery, há pessoas que se esqueceram de como é importante criar laços...

Mesmo que se solte uma lágrima de saudade num momento seguinte...

Um laço que nasce , enlaça, abraça, cresce, ama, vive...

Não se desfazem laços quando foram vividos de verdade.

Por vezes soltam-se as pontas mas fica sempre o nó que devemos guardar em nós como um tesouro, apesar da mágoa...

De diferentes laços que criamos todos nos completam , fazendo-nos sentir e ser...

Olhar o céu, ver um sorriso na estrela mais brilhante, é como lembrar uma enchente de maré.
A ligação entre o céu, a terra e o mar.

Quem tem a capacidade de sonhar não foge do real mas complementa-o de uma forma diferente .


Até já ...

25 comentários:

DE-PROPOSITO disse...

Os verdadeiros tesouros da Vida
Não são ouro ou diamantes
----------------
Mas,... olha que esses tesouros ajudam bastante.

Fica bem.
felicidades.
Manuel

In Loko disse...

Ao ler-te lembras-me " O Principezinho"... A raposa e os seus laços de amizade... e tal como dizes muitos dos verdadeiros tesouros não estão em coisas materiais... estão, sim, nos sentimentos, na alegria de sentir a vida em momentos que nos enlevam!
Sonhar é sem dúvida um tesouro precioso, pena que nem todos o entendam!
Lindo isto minha amiga... estou a lembrar-me dos meus sonhares quando li Pricipezinho.. e sempre que o leio!!!

Não menos belo é o teu "Tesouro"... gosto de te ler, gosto de ti assim solta e perfumada de lindos sentires!!!

Beijinhos

Daniel Aladiah disse...

Querida Maria José
Tantos significados... os triângulos sobrepostos são a estrela de David... também significam o alto (céu) e o baixo (mundo inferior)... a ruptura das figuras geométricas manifestado no seu afastamento... e toda a imaginação que cada ser pode ter, nomeadamente no meio da sua (minha) loucura... :)
Um beijo
Daniel

Carlos Henriques disse...

Olá

Obrigado por o comentario no meu blog.
Desejo a continuação de um bom fim de semana.

**beijo**

Nilson Barcelli disse...

Um tesouro e um laço...
Gostei de ambos.
E da música também.

Boa semana, beijinhos.

Sandra Daniela disse...

Criar laços nem sempre é dificil, mais dificil é manter esses laços apertados...

um beijinho

carlos disse...

que não se apague o sonho. a primavera. os dizeres sentidos da manhã. as rochas lindas e duras e rumorejantes de torga. o mar de sophia. as laranjas da foz de eugénio. sei do que escreves. alguns entendem...

DE-PROPOSITO disse...

importante criar laços...
-----------
As cordas que prendem também são laços.
-----------
Felicidades

poeta_silente disse...

POis, minha querida. Tu és um laço do qual não quero me desfzer nunca. Moras no meu coração. E este laço é mais do que um belo laço... é a profundidade da verdadeira amizade. Ès importante para mim... para minha vida. És importante em cada minuto que passamos conversando ou apenas sabendo que estamos em nossos cantinhos.
Obrigada, MJ, por existires.
Deus te abençoe.
Bjos
Miriam

DelfimPeixoto disse...

Gostei...
bj

Alexandra disse...

Exupery tinha razão, se bem que por vezes já nos custe sonhar...

BJ

impulsos disse...

Querida e doce amiga
Os laços são qualquer coisa que une pontas de sentimentos, que, embora se desenlacem um dia, ficarão para sempre gravados na memória e no coração, se forem (e como muito bem dizes), momentos vividos de verdade!
Já criei alguns desses, que não esquecerei jamais, em tempo algum, apesar da mágoa...

Beijo meu

DE-PROPOSITO disse...

O vento uiva passando, e nós ficamos.

Parapeito disse...

...Nem todos entendem de facto...
E eu penso que é uma pena...Quem souber cativar quem souber criar laços...nunca será uma pessoa pobre...

Que hajam sempre laços de ternura na tua vida...

Gostei de vir parar até aqui***

Carina disse...

O estabelecimento de laços, rege a vida do Homem, como ser sociável. De que outra forma poderíamos experimentar sentimentos tão maravilhosos como a AMIZADE ou o AMOR? =)

Muito Obrigada pela visita!
Alegrou-me imenso!**

Carina disse...

So para desejar uma optima semana*

Beijinho

Vieira Calado disse...

Respondendo ao seu comentário, dir-lhe-ei que toda a gente tem o direito de se exprimir numa arte qualquer. O problema da "qualidade" vem depois.
Não se importe com isso!
Escreva sempre, exprima-se, diga o que lhe vai na alma. É libertador!
Bjs

muguet disse...

vim aqui dar uma laçada na nossa amizade...
tenho deixado estes e outros laços demasiado soltos, preciso de os apertar.

o tempo, sempre o tempo, esse maroto!!

ando desaparecida mas nunca esquecida... tento aparecer, mas nem sempre as coisas correm como eu gostaria.

ahhh... e queria-te dizer que já por várias vezes tentei comentar o teu outro blog mas nunca sei se consegui ou não :S

este teu post...lindo. os tesouros, a estrela, a lua, os laços na amizade...tão lino, tão doce, tão ternurento...

beijo grande minha querida maria josé, cheio de saudades

Anónimo disse...

Mª José,

Sobre criar laços, convido-te a conhecer o meu blog pessoal: wwwavalonbloger.blogspot.com, onde publiquei uma postagem linda sobre esse diálogo do Pequeno Príncipe. Você vai se emocionar!
Bjos
Lílian

Anónimo disse...

Mª José,

Sobre criar laços, convido-te a conhecer o meu blog pessoal: wwwavalonbloger.blogspot.com, onde publiquei uma postagem linda sobre esse diálogo do Pequeno Príncipe. Você vai se emocionar!
Bjos
Lílian

JúliaML disse...

..porque parou?...:-(

Pelos caminhos da vida. disse...

Obrigada pelo retorno.

beijooo.

zimbro disse...

Obrigado pela visita adorei. Como principiante nestas andanças, o seu comentário faz-me ir em frente.
Aproveito para lhe dar os meus parabens, pelo seu bom gosto na poesia, espero ser um leitor atento no seu blogue.
Muitas felicidades, continue...

Carla Silva e Cunha disse...

Muito original...voltarei


http://www.arte-e-ponto.blogspot.com

muguet disse...

é verdade, minha querida amiga, não são só de ouros e diamantes que se formam os tesouros... também se formam de um simples toalhão, de um simples sorriso de uma estrela...tudo completa a felicidade.
aprendi, com muitas quedas, algumas bem fundas, onde está o pote de ouro no fim do arco-íris e o engraçado, é que depois de descobrir o caminho, nunca mais ninguém o esquece :)

obrigada pela tua visita, é um enorme prazer voltar a sentir estes laços :)

beijo apertadinho, em formato de uma vida de ouro!

ahhh...e sim, isto de ser prof é cada vez menos o que deveria ser sempre: PROFESSOR!

ps- adorei a música, não conhecia :)